Gaules bate recorde de Casemiro com 572 mil pessoas simultâneas na Twitch

Por Alana Santos

Um dia após bater seu recorde pessoal com 434 mil pessoas simultâneas em sua live, Gaules bateu um novo recorde alcançando 572,9 mil pessoas em sua transmissão.

O feito aconteceu durante a transmissão do primeiro mapa da equipe brasileira Imperial contra a Cloud 9, em partida válida pelo PGL Major Antwerp 2022 de Counter-Strike. O recorde anterior pertencia ao streamer carioca Casimiro ao assistir e reagir ao primeiro episódio da série “Neymar – O Caos Perfeito”, da Netflix, em janeiro. O número a ser batido era de 545 mil pessoas.

Aos 37 anos, Gaules é considerado o segundo maior streamer do mundo e coleciona títulos e recordes na Twitch. Vencedor por dois anos consecutivos como Melhor Streamer do Ano no Prêmio eSports Brasil, Gaules segue com ampla vantagem na posição com 3,5 milhões seguidores e 60 mil assinantes no canal (pessoas que pagam um valor mensal para contribuir com seus streamers preferidos). Para título de comparação, a marca de 572 mil pessoas é equivalente a mais de 7 Maracanãs ou mais de 12 Allianz Parque lotados – a capacidade máxima de cada estádio é de 78 mil e 45 mil, respectivamente.

Líder de uma comunidade de fãs, que ele carinhosamente chama de Tribo, Gaules começou as streams em 2018, após enfrentar um difícil período de depressão que o levou a tentar suicídio. Hoje, ele compartilha essa história, incentivando as pessoas a procurarem ajuda profissional e a enfrentarem as adversidades da vida, usando seu exemplo e passando uma mensagem de esperança e solidariedade entre a Tribo.   

Gaules é considerado o principal case da Twitch no Brasil, sendo o primeiro streamer do mundo a conquistar o direito de transmissão de jogos da NBA tendo parceria com a Budweiser. Além de um podcast junto do ex-jogador Ronaldo, ele possui parceria com diversas marcas de fora do universo dos esports – como Red Bull, Kabum e Banco do Brasil. Gaules é ainda, sócio do Omelete Company, empresa responsável pelo evento CCXP.