Pesquisa aponta que os profissionais mais felizes estão na comunicação

Para uma empresa quanto mais os funcionários estão felizes, mais bem-sucedida ela será. Pensando nisso a maioria das corporações investem uma parte da sua verba para cuidar do bem-estar de seus colaboradores.

Em uma pesquisa realizada recentemente pela empresa Robert Half em parceria com a Happiness Works, foram ouvidos mais de 23 mil profissionais de oito países diferentes e o resultado aponta que, em uma escala de felicidade de 0 a 100, as empresas de todo o mundo atingiram a média de 70 pontos.

Ainda de acordo com essa pesquisa, os funcionários mais felizes e dispostos costumam ser mais engajados, leais, criativos e produtivos do que aqueles que não se sentem satisfeitos com sua profissão. A pesquisa também apontou algo um tanto quanto curioso: entre todas os profissionais pesquisadas os que demonstraram um grau maior de felicidade trabalham na área de marketing.

Também é mensurado o grau de alegria no trabalho. Segundo o estudo, que recebeu o nome de “O segredo das empresas e colaboradores mais felizes”, os profissionais que exercem cargos de diretoria ou executivos são aqueles que se mostraram mais alegres. O tempo de trabalho também é algo que influencia no bem-estar.

Pessoas com menos de um ano de atuação nas companhias demonstraram o mesmo grau de felicidade do que os mais experientes nas empresas e a faixa etária de profissionais mais felizes é de 18 a 35 anos, embora os profissionais que se mostraram mais interessados em suas tarefas sejam aqueles com idade superior a 55 anos.

Igualdade entre os sexos

A pesquisa também questionou homens e mulheres a respeito de quais fatores influenciam em sua felicidade no ambiente de trabalho. Para os homens, a principal razão de se sentirem satisfeitos com a empresa é o orgulho da organização em que trabalham. Já para as funcionárias, felicidade significa ser tratada com igualdade e respeito em suas empresas, de maneira que elas tenham oportunidades iguais a de qualquer outro funcionário.

Gostou? Deixe nos comentários se você concorda com os resultados dessa pesquisa e quais fatores contribuem para que você se sinta mais feliz no ambiente de trabalho.

Estudante de Sistemas de informação com 21 anos, descobri que todos temos um pouquinho de publicitário em nós. Amo livros, chocolate, séries, e é claro, café! Revisora e Instagrammer do grupo Publicitários Criativos.