circle-loader
Escrito por
1262

Todos os dias nós recebemos pelo menos uma pergunta sobre como nós vemos o futuro da comunicação. E não é para menos, nestes tempos as coisas são muito voláteis e o que era tendência ontem pode já não ser mais hoje.

Com tantas mudanças é realmente difícil acompanhar tudo e saber como anda o cenário do mercado de marketing e publicidade. Entretanto, é essencial que gestores focados no crescimento e em garantir a competitividade acompanhem esses dados. Desta forma, é possível que identifiquem como se posicionar e o que os concorrentes estão fazendo. Portanto, nada melhor do que ouvir mais de 650 gestores de agências do Brasil. Pensando nisso, trazemos aqui alguns dados da pesquisa Censo Agências 2019,  que podem te guiar para tomar decisões mais assertivas e  contribuir para direcionar o seu negócio rumo ao caminho do crescimento.

Sobre a maior pesquisa do mercado publicitário nacional

O Censo Agências, elaborada pela Operand, é uma das pesquisas mais conhecidas no mercado, tem como base mais de 650 agências respondentes e reflete um excelente e completo panorama da realidade do mercado publicitário.

A pesquisa mais recente já chega na quinta edição e apresenta dados de 2018, com projeções para 2019, trazendo como destaque os principais desafios, dificuldades e prioridades definidas pelos CEOs.

Segundo as respostas dos gestores, Social Media é uma das áreas que mais cresce

Para a surpresa de muitos, ou não, a pesquisa apontou que a gestão de mídias sociais foi um dos serviços mais rentáveis nesse último ano e com grandes chances de continuar crescendo em 2019.

Muitas agências passaram a oferecer esse tipo de serviço nos últimos anos, talvez pelo fato de que é uma das demandas que mais traz rentabilidade para as agências. Sabemos que os serviços relacionados à gestão das mídias sociais são extremamente complexos, envolvem estudos aprofundados e a busca contínua pelo alcance orgânico. Mas vale a pena viu? Segundo a pesquisa, as agências podem se dar bem oferecendo esse serviço. A demanda existe e o cliente está disposto a investir nesse tipo de estratégia.

Esta é uma realidade que podemos ver em todas as agências, independentemente da região em que se encontram e de seu porte, conforme pode ser visto no gráfico abaixo:

Aparentemente esse tipo de serviço só vem perdendo para a área de criação. Um dos  Então, se você estava com dúvidas se vale a pena investir seu tempo com isso, a resposta não poderia ser mais clara: vale muito! Muitas agências inclusive estão focando somente nesse tipo de serviço. Aliás, direcionar a atuação do negócio para um nicho específico é uma forte tendência, conforme veremos a seguir.

As agências passaram a ter uma atuação mais focada para garantir a competitividade

Comparando os resultados de 2019 com os da edição anterior podemos observar que antes as agências full service ( as que prestam todos os tipos de serviço) eram representam uma maioria de 61%. Hoje esse número diminuiu, correspondendo a 54% do total de agências. Ou seja, existe uma tendência por oferecer apenas 1 tipo de serviço focado do que todos de uma vez só. As agências estão se tornando mais especialistas para oferecer serviços com mais qualidade, garantindo a competitividade.

Além disso, essa mudança se dá ao fato de que com o avanço dos ambientes digitais, as empresas acabam preferindo contratar um profissional especializado em uma determinada área, do que uma agência que ofereça todos os trabalhos (o que sairia mais caro e nem sempre traria o mesmo tipo de resultado).

Tenha acesso a mais informações como essas

Baixe a pesquisa gratuitamente!

Entender o mercado de agências e publicidade no Brasil é uma tarefa complexa. Conforme mencionamos anteriormente, ter informações precisas a respeito do comportamento desse mercado, permite, aos gestores, tomarem decisões com mais segurança e inteligência. Para que possam, então, sair na frente da concorrência.

A pesquisa Censo Agências 2019 é uma das melhores ferramentas de apoio na hora de criar seu planejamento. Pois, a partir dela você poderá:

  • Comparar os resultados da sua agência e a média nacional;
  • Analisar novas tendências e oportunidades de negócio;
  • Avaliar o direcionamento do modelo de negócio;
  • Ter acesso às projeções e perspectivas de mercado;
  • Conhecer a opinião de especialistas na área sobre gestão e comunicação;
  • Construir o planejamento estratégico da sua agência, pautado por indicadores claros e consistentes.

Se você ficou curioso(a) para saber mais informações sobre a realidade das agências brasileiras é possível fazer o download gratuito da pesquisa através deste link.