circle-loader
Escrito por
923

Nesta nova geração de consumidores o bombardeio de mensagens está se tornando cada vez menos efetivo. A publicidade deixa de entrar em uma conversa no cotidiano e passa a interrompê-la em um momento de lazer ou de consumo de conteúdo.

Este cenário nos trouxe diversas discussões nas redes sociais sobre ad-blocks e ferramentas do tipo, mas a questão é como utilizar-se de uma comunicação efetiva e fazer parte da rotina dos consumidores?

Muitas vezes não sabemos diferenciar o que é on-line e o que é off-line, por exemplo: Está passando a final do Master Chef e temos boa parte dos consumidores deste formato de conteúdo utilizando o Twitter para falar e se manter informado sobre o assunto. Esse hábito elevou o programa aos Trends, batendo recordes de tweets e audiência. Chamamos este meio de consumo de dual screen une o on e o off-line em uma só experiência. Eu posso assistir e dar a minha opinião sobre o que está acontecendo em tempo real.

A junção da tecnologia com a publicidade pode ajudar o marketing a trazer a marca para dentro da vida dos seus consumidores fazendo parte do seu cotidiano, sem saturar os dias com um BUUM de informações.
Com a internet e os hábitos de consumo sendo de fácil acesso, podemos passar a entender como o consumidor vive, trazendo assim uma nova experiência e interação com a marca.

O Marketing On-Life ajuda o consumidor a testar, provar, vivenciar, interagir e fazer parte de toda a experiência, de como que ele possa interagir no momento em que está disposto a receber e consumir publicidade. Imagine você fazer compras com apenas um toque na dispensa da sua casa e receber no dia seguinte, ou então conhecer pessoas e adiciona-las nas redes sociais apenas com o “tin-tin” dos copos, ou até mesmo passar por uma vitrine e ter uma experiência de compra touchscreen entre a loja e seu smartphone.

Aqui vão alguns casos que usam e abusam do Marketing On-Life:
The Buddy Cup: Budweiser

 

Nivea Sun Kids

 

Adidas Window Shopping