Google Fotos deixará de ser gratuito

Por Alana Santos

Uma péssima notícia para aqueles que amam o armazenamento na nuvem. O Google Fotos, que até então oferecia um armazenamento infinito e gratuito, passará a cobrar.

A Google decidiu limitar a quantidade de espaço para usuários gratuitos. A mudança passará a valer a partir do dia 1 de junho de 2021 e aqueles que optarem por manterem uma conta grátis terá um limite de apenas 15 GB incluindo os arquivos do Google Drive.

O comunicado oficial foi ao ar hoje, dia 11, no qual a companhia introduziu também uma nova política sobre as contas inativas, que depois de dois anos sem qualquer acesso passarão a ser deletadas.

A boa notícia é que a limitação de espaço só vai valer para os conteúdos do Fotos a partir do dia 1 de junho, ou seja, se você já ultrapassou esse limite a muito tempo não precisa se preocupar, pois ele não entrará na contagem.

Há também uma exceção aos usuários do Pixel, smartphone da Google, que poderão subir imagens de alta qualidade sem qualquer cobrança, mesmo após a data de implementação da mudança. Contadores de espaço também serão instalados no Google Docs, Planilhas, Slides, Drawings, Forms e Jamboard.

A Google terá também avisos para que os usuários saibam quando estiverem se aproximando do limite de espaço, além facilitar o gerenciamento para liberar a conta de arquivos que podem ser considerados “inúteis” como fotos borradas e screenshots.

A medida fortalece o Google One, que usa o mesmo limite de 15 GB no plano gratuito e conta com mensalidade mínima de R$ 6,99 nos pagos por 100 GB de espaço, mas há planos de até 30 TB.

Fonte/Créditos: B9.