Heineken doará valor que seria investido no Rock n’ Rio para ajudar no combate à Covid-19

Por Alana Santos

A Heineken e o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) anunciaram uma parceria para fortalecer as ações de combate à pandemia da Covid-19 em todo país.

A cervejaria destinará parte dos seus investimentos que originalmente seriam utilizados no Rock in Rio, que teve sua edição adiada novamente para 2022. A parceria prevê a instalação de quatro usinas de oxigênio, além da compra de cilindros, CPAPs (aparelhos de suporte às vias aéreas) e Equipamentos de Proteção Individuais para profissionais da linha de frente em pelo menos 40 hospitais de todo país que estão em situação crítica.

É um momento muito difícil para todos e que exige um esforço conjunto, público e privado, para que o país enfrente a situação e minimize impactos. Por isso, sendo uma marca tão valorizada pelos brasileiros, não poderíamos deixar de direcionar nossos esforços para o que é prioridade: a vida das pessoas”, comentou Maurício Giamellaro, CEO do Grupo HEINEKEN no Brasil.

A parceria faz parte do projeto da instituição denominado “Salvando Vidas”, uma plataforma de matchfunding em que valores doados pela sociedade civil ou instituições privadas são dobrados. Ao todo, serão R$9 milhões doados nessa parceria para o sistema de saúde.

A ação da marca soma-se a esforços que o Grupo HEINEKEN no Brasil vem direcionando desde o início da pandemia, em 2020. O Grupo atua, desde então, em uma grande força-tarefa, tendo implementado ações juntos aos colaboradores, parceiros de negócio e sociedade, sempre de acordo com as diretrizes de saúde definidas pelos órgãos públicos.

Fonte/Créditos: AdNews.

  •  
  •  
  •  
  •