Panini distribui guias em braille do álbum da Copa do Mundo

Por Alana Santos

A Panini, em parceria com a Fundação Dorina Nowill para Cegos, vai lançar agora novembro um guia para que deficientes visuais consigam colecionar figurinhas do álbum da Copa do Mundo do Qatar.

A ideia começou quando em setembro, um menino chamado Pedro Maron viralizou ao fazer, de forma caseira, uma adaptação no próprio álbum para conseguir brincar com os amigos. Na época, o LANCE! conversou com o pai do menino, que contou como Pedro fez a adaptação no álbum.

O guia não será comercializado. Serão distribuídos 1.945 guias para instituições parceiras da Fundação Dorina Nowill para Cegos, e para cerca de 200 clientes atendidos na Fundação, além de 200 kits a serem entregues pela Panini.

O kit é composto por um guia em braille dividido em três volumes e um pacote com três figurinhas com aplicação do braille. O guia é uma transcrição em braille completa do álbum e descrição de todas as figurinhas.

O propósito da Fundação Dorina e dessa parceria é possibilitar a autonomia e inclusão das pessoas com deficiência visual em diferentes cenários sociais. Colecionar e preencher o álbum é uma atividade marcante para todos“, comenta Alexandre Munck, Superintendente Executivo da Fundação Dorina.

 As instituições que receberão o material atendem pessoas com deficiência visual em diversas regiões pelo Brasil.

Fonte/Créditos: Terra.

Foto/Capa: Depositphotos.